Domingo, 25 de Fevereiro de 2007

Urge Reformar "A Reforma da Formação Profissional..."

O documento de 10 páginas - "Bases para um acordo de reforma da formação profissional" - disponível no site do MTSS, resulta da discussão havida com os parceiros sociais...

http://195.245.197.214/preview_documentos.asp?r=781&m=PDF 

Parece ambicioso e propõe um sem número de iniciativas que visam melhorar as práticas habituais e conhecidas que, infelizmente, não têm dignificado o sector da educação/formação.

Após uma leitura muito breve ficam algumas questões centrais:

Quem serão os intérpretes que irão por em prática algumas das mudanças preconizadas?

Desenvolver formação construída a partir de competências e indexável a um catálogo nacional de qualificações exige, no mínimo, outros designers de curricula: quem são e onde estão?

referenciais é essencial... legislar é muito importante... mas ainda há quem acredite que as mudanças acontecem no Diário da República?!

Que formação está a ser feita aos formadores e conceptores? Que medidas de incentivo às novas formas de desenhar curricula estão previstas no QREN?


Caros decisores políticos e dirigentes dos organismos públicos: porque não contam - de facto -  com os professores e os formadores deste país?!...

publicado por CorteVale às 19:04
link do post | comentar | favorito

Encosta-te a mim!

mais sobre mim

pesquisar

 

Junho 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

posts recentes

Urge Reformar "A Reforma ...

arquivos

Junho 2015

Janeiro 2011

Julho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Novembro 2009

Agosto 2009

Abril 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Junho 2008

Março 2008

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

tags

todas as tags

Where are You?

Subscrever Caminho das Pedras

Assinar com Bloglines

Radar "Caminho das Pedras"

Copyrights & Créditos

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.

Quem nos vê? Onde está?

blogs SAPO

subscrever feeds