Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Caminho das Pedras ...

“… DA MINHA LÍNGUA VÊ-SE O MAR. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto. Por isso a voz do mar foi a da nossa inquietação." V. Ferreira

Caminho das Pedras ...

“… DA MINHA LÍNGUA VÊ-SE O MAR. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como da de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto. Por isso a voz do mar foi a da nossa inquietação." V. Ferreira

Quem quer jogar às adivinhas?

Continuo nostálgico pela minha aldeia!

Quem consegue adivinhar? Que local é este?

Pois é, parece a cabeça de uma tartaruga gigante que se encantou por esta terra e... por cá ficou!

Também há quem veja a cabeça de uma anaconda  que se deixou aprisionar pelo encanto de um moinho de água que lhe fica à esquerda, mas hoje totalmente em ruínas... quem cuida dele?

 

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.